GoMad - Tradução Simultânea para Eventos - Goiânia | Brasília

Interpretando eventos médicos!

Uma das especialidades da GO MAD é a realização da tradução simultânea de eventos médicos.

Neste tipo de evento, todo comprometimento por parte dos intérpretes é indispensável para o sucesso da tradução.

Normalmente, sempre encaminhamos um e-mail para os palestrantes internacionais e solicitamos as apresentações que serão ministradas durante o congresso.

Alguns palestrantes encaminham o material, mas muitos não respondem nosso contato.

Quando temos o material, dividimos as palestras para os intérpretes, que estudam tópicos específicos, comparando artigos científicos em português para ajudar na construção do vocabulário.

Caso o material não seja enviado, pesquisamos o nome do palestrante e da palestra, fazendo um levantamento de artigos ou até mesmo palestras gravadas no You Tube.

O mais crucial em um evento médico com tradução simultânea é o levantamento do glossário prévio. Os intérpretes precisam entender do que se trata o assunto e saber os nomes das estruturas anatômicas correspondentes.

Fizemos em agosto 4 eventos de Ortopedia:

– Curso de deformidade vertebral pediátrica;

– Congresso Brasileiro de Quadril;

-Congresso Brasileiro de Análise Clínica da Marcha e do Movimento Humano;

– S.O Equi (Ortopedia equina).

Apesar do último evento ter sido Ortopedia Equina, muitas palavras eram semelhantes e o evento de Equinos foi relativamente fácil, pelo fato de já termos levantado muito vocabulário.

Abaixo temos algumas palavras muito usadas em cada um desses congressos:

  1. Curso de deformidade vertebral pediátrica:

Adolescent Idiophatic Scoliosis (ASIS) – Escoliose Idiopática do Adolescente  (EIA)

Bony fusion – Ossificação

Lowest Instrumented Vertebrae (LIV) – Vértebra mais Distal Instrumentada

Peak Height Velocity (PHV) – Pico de Velocidade de Crescimento (PVC)

Spondylolysis – Espondilólise

Spondylolisthesis – Espondilolistese

Pelvis tilt – Inclinação pélvica

Gait – Marcha

Tethered Cord Syndrome – Síndrome da medula presa

Brace – Órtese

Crankshaft – não se traduz

Hump- Giba ou Gibosidade

Plumb line test- Teste do fio de prumo

Rod – Haste (neste caso usamos Rod mas quando falamos em quadril usamos stem para haste)

Ligamentum Flavum- Ligamento amarelo

2. Congresso Brasileiro de Quadril

Total Hip Replacement (THR) – Artroplastia Totalde Quadril (ATQ

Bone Spur – Esporões Ósseo

Stem – Haste

Cup- Copa

Dislocation – Luxação

Reaming – Fresagem

Surgical approach – Via/Acesso Cirúrgico

Loosening- Soltura

High Grade Slip- Escorregamento de Alto Grau

Ball and Socket Joint – Enartrose

Labral Lesion – Lesão do Labrum

Locked Hip – Quadril Bloqueado

Frog leg – Batráquio

High Hip Center – Centro de Rotação Mais Alto

Impacted Graft Chips – Enxerto Picado Impactado

Iliac view – Projeção Alar

Obturator Oblique View – Projeção Obturatriz

Snnaping hip – Estalido lateral

Cancellous bone – Osso esponjoso

Impingement – Impacto

Non-union – Pseudoartrose

Cement Mantle – Manto de cimento

Trunion – Cone Morse

Off-set – não traduz

3. Congresso Brasileiro de Análise Clínica da Marcha e do Movimento Humano

Anterior Cruciate Ligament (ACL) – Ligamento Cruzado Anterior (LCA)

Calcaneal-pitch – Calcâneo-solo

Varus Angle – Ângulo de Varismo

Valgus Angle – Ângulo de Valgismo

Plantar Strike – Contato Plantar

Clearance – Levantar o pé

Hindfoot- Retropé

Forefoot- Antepé

Midfoot – Mediopé

Uncoupling – Desacomplamento

Rocker – Pivô

Stance – Apoio

Stride – Passada

Foot drop – Pé Caído

Gait – Marcha

Posterior Leaf Spring (PLSO) – Órtese tornozelo-pé com feixes de mola posterior

Split transfer- Hemitransposição

Initial Foot Progression Angle (IFPA) – Ângulo de Rotação Podálica

Femur Narrowing – Pinçamento do FêmurS.O Equi (Ortopedia equina)

4. Asthroscopic sleeve – Cânula artroscópica

Blunt trocar – Trocater rombo

Cornet – Coroa do casco

Coffin bone- Terceira falange

Frog – Ranilha

Curb – Curvaça

Toes – Pinças

Hindlimb – Membro Pélvico

Forelimb – Membro toráxico

Blister – Revulsivo

Fetlock – Boleto

Pastern – Quartela

Heel – Talão

Hock – Jarrete

Dressage – Adestramento

Cannon bone – Osso da canela

Percebam que as palavras em negrito são muito diferentes e se o intérprete não tiver um conhecimento prévio, não conseguirá “abrir a boca” na cabine.

As palavras em itálico mostram que no contexto da Ortopedia Humana, elas têm um significado e na Ortopedia Equina, a tradução é outra.

Resumo da ópera: a tradução simultânea de eventos médicos não é tarefa fácil e apenas intérpretes altamente qualificados, como os da GO MAD, conseguem realizar um trabalho de excelência e garantir o sucesso do seu evento.

Não arrisque! Falou em Medicina, a tradução simultânea tem que ser com a Go MAD!

                                                                                   By Larissa Leão, CEO Go MAD.

pt_BRPortuguese
en_USEnglish pt_BRPortuguese